jusbrasil.com.br
27 de Maio de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal Regional Federal da 2ª Região TRF-2 - Agravo de Instrumento: AG 0013494-41.2017.4.02.0000 RJ 0013494-41.2017.4.02.0000

Detalhes da Jurisprudência
Órgão Julgador
2ª TURMA ESPECIALIZADA
Julgamento
25 de Maio de 2018
Relator
SIMONE SCHREIBER
Documentos anexos
Inteiro TeorTRF-2_AG_00134944120174020000_8b94e.pdf
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

PREVIDENCIÁRIO. AUTONOMIA DAS VERBAS ADVOCATICIAS. FRACIONAMENTO DA EXECUÇÃO. EXPEDIÇÃO DE REQUISIÇÃO DE PEQUENO VALOR. APLICAÇÃO AOS HONORÁRIOS SUCUMBENCIAIS E CONTRATUAIS. IMPOSSIBILIDADE. RESOLUÇÃO 458/2017 DO CJF. PRECEDENTES A SEGUNDA TURMA DO STF E DA 1ª TURMA DESTE TRIBUNAL.

1. A Res. nº 405/2016 do CJF foi revogada pela Resolução 458/2017. Enquanto a antiga resolução, em seu art. 21, § 1º, estabelecia expressamente que os honorários sucumbenciais e contratuais não devem ser considerados como parcela integrante do valor devido a cada credor para fins de classificação do requisitório como de pequeno valor. A, a nova resolução suprimiu os honorários contratuais do texto (art. 18¸ caput e parágrafo único).
2. Apesar de não haver decisão definitiva do Pleno sobre o tema, faz-se necessário destacar que a 2ª Turma do STF consolidou seu entendimento no sentido de que o destaque dos honorários contratuais do valor principal viola o art. 100 da CF/88 ( RE 1094439, Rel. Min. DIAS TOFFOLI, DJe 19.3.2018). O mesmo entendimento já vem sendo adotado pela 1ª Turma Especializada deste e. TRF2 (AG 0011599-45.2017.4.02.0000, Rel. Des. Fed. ANTONIO IVAN ATHIÉ, e-DJF2r 22.03.2018).
3. É inviável o destaque dos honorários contratuais das verbas principais, devendo ambos seguir o mesmo regime de pagamento.

Decisão

Vistos e relatados estes autos, em que são partes as acima indicadas, decide a 2ª Turma Especializada do Tribunal Regional Federal da Segunda Região, à unanimidade, DAR PROVIMENTO ao agravo de instrumento nos termos do relatório e voto constantes dos autos, que ficam fazendo parte integrante do presente julgado. Rio de Janeiro, 17 de maio de 2017 (data do julgamento). SIMONE SCHREIBER 1 RELATORA 2
Disponível em: https://trf-2.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/843042654/agravo-de-instrumento-ag-134944120174020000-rj-0013494-4120174020000

Informações relacionadas

Tribunal Regional Federal da 2ª Região
Jurisprudênciahá 6 anos

Tribunal Regional Federal da 2ª Região TRF-2 - Apelação: AC 0010376-56.2012.4.02.5101 RJ 0010376-56.2012.4.02.5101

Tribunal Regional Federal da 2ª Região
Jurisprudênciahá 4 anos

Tribunal Regional Federal da 2ª Região TRF-2 - Agravo de Instrumento: AG 0011599-45.2017.4.02.0000 RJ 0011599-45.2017.4.02.0000

Supremo Tribunal Federal
Jurisprudênciahá 4 anos

Supremo Tribunal Federal STF - RECURSO EXTRAORDINÁRIO: RE 1094439 DF - DISTRITO FEDERAL 0700521-39.2017.8.07.0000

Superior Tribunal de Justiça
Jurisprudênciahá 5 anos

Superior Tribunal de Justiça STJ - RECURSO ESPECIAL: REsp 1657321 RS 2017/0045406-6